Sindicato dos Servidores do Tribunal de Contas do Estado e dos Municípios da Bahia

TCM-BAHIA: A ALTERNATIVA É A ESCRAVIDÃO DOS FUNCIONÁRIOS

07 fev 2010

Servidores da Alternativa, empresa que terceiriza mão-de-obra no Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) só receberam o salário de novembro 17 de dezembro. O 13º e dezembro foram pagos em dia, mas quem tirou férias em dezembro e janeiro até hoje está a ver navios. Pior: o TCM paga a Alternativa em dia. O chororô é silencioso. Parece que os terceirizados são subtrabalhadores.